Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 13, 2012

TIM e Claro dobram número de queixas recebidas

Imagem
TIM, Oi e Claro Relatório apresentado por João Rezende, presidente da Anatel, na última quarta-feira, 13, revela que os clientes das operadoras Claro e TIM estão mais insatisfeitos em relação aos serviços prestados nos últimos meses.

A TIM, campeã de reclamações, recebeu 4.000 queixas em setembro e mais 3.750 em outubro. Antes de ser punida pela Anatel e proibida de vender seus chips em 18 estados, o número de reclamações não chegava a 2.000 por mês.

A Claro, vice-campeã, recebeu aproximadamente 1.000 queixas em julho. No mesmo mês, ela também foi proibida de vender chips e modens de internet em três estados. Em outubro o número de reclamações praticamente dobrou.

Já a Oi, que também foi punida pela Anatel em julho e em cinco estados, manteve-se estável com cerca de 1.250 reclamações mensais.

"O resultado mostra que as empresas estão trabalhando, mas ainda estão muito longe do ideal. Uma melhora definitiva vai depender do aumento dos investimentos e, enquanto isso, as compan…

smartphone com duas telas

Imagem
Divulgação Surgiu na Rússia um modelo totalmente novo de smartphone que une recursos de telefonia ao conforto de se ler como se o aparelho fosse um e-reader. Anunciado ontem, 12, o YotaPhone consegue isso porque ele tem duas telas: de um lado a de LCD, do outro, a EPD (tela de papel digital, na sigla em inglês).

Nas costas do dispositivo, onde tradicionalmente não há nada a não ser uma lente de câmera, foi colocada uma EPD de 4,3 polegadas que, assim como acontece em leitores como Kindle e Kobo, não emite reflexos. Com isso, o dono do YotaPhone pode usar a tela da frente (também de 4,3", com 720p) para as tarefas comuns de um smartphone e a de trás para leitura.

O celular vem com Android 4.2 (Jelly Bean), tem memória RAM de 2 GB e mais 32 GB de armazenamento (expansíveis a 46 GB). A câmera principal tem 12 MP e a da frente captura imagens em alta definição.

Mais detalhes sobre o produto serão mostrados durante o Mobile World Congress, que acontecerá em Barcelona entre …

Produção nacional de smartphones cresceu 78%

Imagem
Associação prevê um aumento de 63% na fabricação de smartphones e retração de 9% na produção de celulares mais simples em 2013

Reprodução A Abinee, entidade que representa fabricantes do setor elétrico e eletrônico, publicou um levantamento sobre a produção nacional de smartphones e tablets.

De acordo com a associação, a produção de smartphones em 2012 aumentou 78%, enquanto que os dispositivos convencionais apresentaram queda de 25%.

De acordo com a Teletime, para o próximo ano, estima-se que haja um aumento de 63% na fabricação de smartphones e uma retração de 9% na produção de celulares mais simples.

O diretor de economia da Abinee, Luiz Cesar elias Rochel, afirmou que os aparelhos conectados à internet estão substituindo os dispositivos convencionais. Sendo assim, a participação dos smartphones no mercado vai passar de 27% em 2012 para 40% em 2013.

Os tablets também deverão aumentar a produção no próximo ano, saltando de 2,8 milhões de unidades para 5,4 milhões em 2013.

Google não quer desenvolver apps para Windows

Imagem
O Google não está muito interessado em desenvolver aplicativos para Windows 8 ou Windows Phone. “Nós somos cuidados a respeito de onde nós investimos. E nós vamos onde os usuários estão, mas eles não estão no WP ou W8”, disse Clay Bavor, diretor de produtos no Google Apps ao site V3.

“É claro que se isso mudar, nós investiremos lá”, completou.

Bavor também comentou sobre os investimentos na nuvem. Para ele, a tecnologia “não é mais um mistério” e ele vê muitas empresas fazendo grandes mudanças para trabalhar com isso.

Questionado sobre a credibilidade da nuvem em casos como o que aconteceu nessa semana, quando o Gmail e Drive caíram por mais de 30 minutos, Bavor disse: “Pessoas vivem suas vidas em nossos produtos, então nós nos eforçamos para manter o padrão alto. Nunca ficamos felizes com esse tipo de problemas.”

Lei que prevê compartilhamento de antenas de celular passa pelo Senado

Imagem
Casa adotou força-tarefa para fazer com que o texto fosse aprovado rapidamente
Quatro comissões aprovaram, de uma só vez, o substutivo do senador Eduardo Braga (PMDB-AM) ao projeto da Lei Geral das Antenas (PLS 293/2012), que prevê uma série de medidas para organizar a instalação e instituir o compartilhamento de antenas de telefonia celular pelo Brasil.

O texto passou pelas mãos das comissões de Assuntos Sociais (CAS); Meio Ambiente, Defesa do Consumidor, Fiscalização e Controle (CMA); e Desenvolvimento Regional e Turismo. Além da Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT), em que ficará aberto a emendas até a próxima semana.

A força-tarefa economizou seis meses de tramitação da proposta e só foi possível graças a um acordo do Senado para que Braga fosse relator da matéria em todas essas comissões. Espera-se que a Câmara dos Deputados faça as coisas com rapidez semelhante para que a lei entre em vigor já no começo de 2013.

Um dos …

Samsung Galaxy S3 4G chega no Brasil

Imagem
Aparelho tem capacidade de conexão cinco vezes superior ao 3G O Samsung Galaxy S3 chega nesta semana ao Brasil na versão 4G, compatível com a rede nacional, e com conexão de dados até cinco vezes mais rápida que o 3G tradicional.

O aparelho tem Android 4.1 Jelly Bean e está disponível na cor prata pelo preço sugerido de R$ 2.399,00.

A Samsung diz ser a empresa com o portfólio 4G mais completo do mercado, além de ser a que possui maior número de patentes 4G entre os fabricantes de terminais.

4G no Brasil

A partir de abril, todas as cidades sede da Copa das Confederações terão que contar com o recurso 4G.  Na última quarta-feira, 12, a Anatel prometeu um pente-fino nas 81 cidades, com mais de 300 mil habitantes, que irão receber a tecnologia. Veja mais aqui.

iPhone 5 trazido dos EUA sai quase R$ 1 mil mais barato que no Brasil

Imagem
Celular está isento da cota de US$ 500 para compras no exterior.
Novo smartphone chega ao Brasil nesta sexta (14) por R$ 2,4 mil. iPhone 5 ganhou tela sensível ao toque
de 4 polegadas (Foto: Laura Brentano/G1)
Trazer um iPhone 5 dos Estados Unidos sai quase R$ 1 mil mais barato do que comprar o smartphone no Brasil, apesar dos impostos e da cotação do dólar. O novo aparelho da Apple começará a ser vendido no país no primeiro minuto desta sexta-feira (14)
O modelo mais simples, com capacidade de armazenamento de 16 giggabytes (GB), custa US$ 650 desbloqueado – livre do plano das operadora americanas. Com o imposto de 8,875% cobrado em Nova York, mais os 6,38% de IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) do cartão de crédito, o aparelho sai por R$ 1.611. No Brasil, a TIM divulgou que vai vender o novo smartphone, sem um compromisso contratual, por R$ 2,4 mil.
Na volta ao Brasil, o iPhone 5 está isento do imposto cobrado na Alfândega. Em outubro de 2010, a Receita Federal is…