Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro 10, 2014

Brecha no Snapchat pode inutilizar iPhones e afetar Androids

Imagem
Um pesquisador de segurança que trabalha para a Telefônica na Espanha descobriu uma falha no Snapchat pela qual hackers podem lançar um ataque de negação de serviço (DDoS) e bloquear temporariamente um iPhone. De acordo com o Los Angeles Times, Jaime Sanchez aprendeu como enviar milhares de mensagens para um usuário do Snapchat em apenas alguns segundos, o que pode congelar o uso do smartphone e, eventualmente, até forçar um reset nele. Em aparelhos com Android o golpe não causaria interrupção de funcionamento, só lentidão. A brecha mira a técnica usada pelo Snapchat para troca de mensagens. Sempre que alguém faz um envio, é gerado um código formado por letras e números para verificar a identidade do usuário. O que Sanchez descobriu foi como reutilizar símbolos antigos para enviar novas mensagens. Esses símbolos antigos poderiam ser usados não só para ataques, mas para distribuição de spam. O Snapchat disse que não sabia sobre a vulnerabilidade.

Android da Nokia chega no fim de fevereiro

Imagem
O que parecia improvável aos poucos se torna real. A Nokia deve, mesmo contra todas as expectativas, apresentar seu primeiro smartphone com Android, pouco tempo antes de a aquisição pela Microsoft ser completada. O anúncio deve acontecer ainda no mês de fevereiro, na Mobile World Congress, em Barcelona.

Como já se havia especulado anteriormente, o aparelho utilizará uma versão altamente modificada do sistema do Google, que não terá acesso ao Google Play, semelhante ao que a Amazon já faz com seus tablets Kindle Fire.

Espera-se que o aparelho esteja integrado aos serviços da Microsoft, com uma loja de aplicativos com alguns dos apps da plataforma do Google. Entre os serviços a que ele terá acesso, já confirmados em vazamentos passados, estão Skype, Twitter, Vine, Facebook e BlackBerry Messenger.

Também já foi estabelecido anteriormente que a interface do "Normandy" ou "Nokia X", como o aparelho tem sido chamado, será bastante semelhante à do Windows Phon…

1ª grande atualização do iOS 7 deve sair em março

Imagem
A primeira atualização significativa do iOS 7 sairá em março, segundo o site especializado 9to5Mac, que diz ter obtido essa confirmação de "fontes confiáveis". Especulava-se que a Apple soltaria essa atualização um pouco mais pra frente, mas isso teria sido adiantado para um evento no próximo mês. A companhia costuma mesmo fazer eventos em março, e pode ser que neste ano ela fale sobre a próxima geração da Apple TV. O iOs 7.1 virá com ajustes na interface do aplicativo de chamadas, melhorias no app Calendário e na velocidade do sistema, além de inúmeras correções de bugs.

Brecha no Snapchat pode inutilizar iPhones e afetar Androids

Imagem
Um pesquisador de segurança que trabalha para a Telefônica na Espanha descobriu uma falha no Snapchat pela qual hackers podem lançar um ataque de negação de serviço (DDoS) e bloquear temporariamente um iPhone. De acordo com o Los Angeles Times, Jaime Sanchez aprendeu como enviar milhares de mensagens para um usuário do Snapchat em apenas alguns segundos, o que pode congelar o uso do smartphone e, eventualmente, até forçar um reset nele. Em aparelhos com Android o golpe não causaria interrupção de funcionamento, só lentidão. A brecha mira a técnica usada pelo Snapchat para troca de mensagens. Sempre que alguém faz um envio, é gerado um código formado por letras e números para verificar a identidade do usuário. O que Sanchez descobriu foi como reutilizar símbolos antigos para enviar novas mensagens. Esses símbolos antigos poderiam ser usados não só para ataques, mas para distribuição de spam. O Snapchat disse que não sabia sobre a vulnerabilidade.

Apple pode relançar iPhone 4 por causa do Brasil

Imagem
inShare2 A Apple estaria prestes a ressuscitar um aparelho, em partes graças ao Brasil. Reportagem do jornal indiano Economic Times repercutida pela Folha de S.Paulo afirma que a companhia pretende relançar o iPhone 4 para vendê-lo aqui, na Índia e na Indonésia. O veículo cita três fontes que dizem ter envolvimento direto com os planos da Apple. A ideia, dizem essas pessoas, seria ter um aparelho capaz de competir com os modelos de baixo custo, que vendem bem nesses três mercados. O iPhone 4 saiu de linha no ano passado, junto com o iPhone 5, quando a Apple apresentou o 5c e o 5s.

Oi terá participação de bancos brasileiros

Imagem
Um consórcio formado por 12 bancos nacionais e estrangeiros buscará no mercado entre R$ 6 bilhões e R$ 8 bilhões até abril para comprar ações na nova empresa que Oi e Portugal Telecom passam a formar em breve, conforme fusão anunciada no ano passado. Estima-se que o valor corresponda a 15% da companhia.

Liderado pelo BTG Pactual, o grupo é formado pelos bancos Credit Suisse, Banco Espírito Santo, Merrill Lynch, Barclays, Itaú, Bradesco, Citibank, Santander, Votorantim, Banco do Brasil e Caixa Geral de Depósitos. Se o valor prometido não for arrecadado, cada empresa deverá arcar com diferença ao passo que se tornará acionista proporcional à contribuição.

É esperado ao todo um levante de capital entre R$ 13,1 bilhões e R$ 14,1 bilhões. Com o dinheiro, investidores acreditam que o presidente da Oi, Zeinal Bava, conseguirá reduzir o endividamento de R$ 30 bilhões da operadora e torná-la mais competitiva.

Tim Cook afirma que Apple está trabalhando em produtos de novas categorias

Imagem
inShare Em matéria publicada no Wall Street Journal, o CEO da Apple Tim Cook revelou que a empresa está se dedicando ao desenvolvimento de produtos que abririam novas categorias no mercado, como dispositivos que podem ser vestidos, formas de pagamento móveis e hardware.
Sem entrar em detalhes, como de costume, Cook afirmou estar trabalhando em novidades "ótimas", mas não confirmou se elas envolviam melhoria de produtos já existentes ou se seriam lançamentos totalmente inovadores. Entretanto, Cook comentou que qualquer pessoa sensata consideraria que seriam de uma nova categoria.
O CEO da Apple acredita que a empresa está em crescimento e que pode continuar explorando o mercado com produtos já existentes, e insiste que, mesmo ocupando uma boa parte do mercado com o seu smartphone e dominando o mercado de tablets, ainda existe a chance de crescimento.
No entanto, de acordo com os últimos dados publicados pela Kantar WorldPanel, a expansão do iOS vem diminuindo e…

Conhecendo o Chrome OS: entenda o sistema operacional do Google

Imagem
inShare Nos últimos meses de 2013 a Amazon registrou um enorme número de vendas de notebooks equipados com o Chrome OS (algo em torno de 20% do total), sendo uma das primeiras vezes que o então monopólio do Windows ficou tão ameaçado. O sistema da Microsoft ainda possui uma parcela generosa de vendas em máquinas OEM, mas não são poucas as previsões de que o jogo está ficando cada vez mais difícil, em especial pela baixa popularidade do Window 8 e 8.1
O Chrome OS é resultado dessa rejeição, e está com uma excelente adoção no mercado americano, vindo instalado em modelos na casa dos US$ 200 e comprindo boa parte das necessidades do usuário comum. Considerando que ele ainda é um ilustre desconhecido, neste artigo vamos conhecê-lo um pouco melhor, já que uma das poucas opções disponíveis no Brasil é um modelo já antigo da Acer, sendo um dos primeiros da série dedicada ao Chrome OS.
O que é o Chrome OS? É um comportamento padrão de muitos usuários ligar a máquina, fazer o logi…

Facebook Paper para Android e iPad? Não tão cedo

Imagem
O Paper, novo app do Facebook que permite ler o news feed com um design bem mais bonito e atraente, tem sido bastante elogiado por oferecer uma nova experiência aos usuários que acessam a rede social de um celular. Mais precisamente, de um iPhone. É que, por enquanto, o aplicativo é exclusivo desse smartphone. E, ao que tudo indica, a versão para Android ou iPad vai demorar – se algum dia chegar.

Acontece que o Paper foi criado e é mantido por uma equipe pequena do Creative Labs do Facebook, que é voltado para a criação de novos apps para a rede social: são 15 pessoas envolvidas com o novo aplicativo.

Pela declaração (bem genérica) dada por um porta-voz ao Pocket-lint, o Paper é mais um experimento de uma nova interface do que algo que já está finalizado e pronto para ir para outros aparelhos: “somos uma equipe pequena e estamos empolgados em ver como as pessoas o usarão e qual será o feedback”. Já o Facebook diz que o feedback será um ponto crucial para a expansão e …

Google passa a deter 6% da Lenovo por US$ 750 milhões

Imagem
Uma semana depois de vender a Motorola para a Lenovo, o Google começa a se aproximar da empresa chinesa. Documentos publicados hoje na Bolsa de Hong Kong confirmam que a companhia americana agora detém 5,94% de participação na operação asiática a partir de um investimento de US$ 750 milhões (618,3 milhões de ações por 1,213 dólar de Hong Kong cada).

Segundo as agências de notícias internacionais, o martelo foi batido no dia 29 de janeiro, mesmo dia em que as companhias comunicaram o acordo sobre a Motorola. A Lenovo pagou US$ 2,9 bilhões pela fabricante americana de celulares que só trazia prejuízo ao Google. Comprada em 2012 por US$ 12,5 bilhões, a Motorola Mobility sofreu grande desvalorização e agora ganha novas perspectivas em mãos chinesas.

Com a aquisição, a Lenovo pretende repetir o mesmo sucesso que teve no negócio dos PCs, onde desbancou a HP. Recentemente, a asiática anunciou também a compra da unidade de servidores da IBM por US$ 2,3 bilhões.
Imagem
TIM e GVT podem virar uma empresa só
A Telecom Itália pode ter encontrado uma solução para o dilema que enfrenta no Brasil, onde é dona da TIM e, ao mesmo tempo, tem a Telefónica, proprietária da Vivo, como sua principal investidora. Segundo fonte envolvida com o assunto, a empresa iniciou esta semana conversas preliminares na tentativa de unir a operação brasileira à da GVT, comandada pelo grupo francês Vivendi.

A aproximação vem a calhar para a Telecom Itália, que tem estado na mira do Cade - Conselho Administrativo de Defesa Econômica - desde que aumentou no ano passado sua participação na Telefónica para 66%. Uma eventual fusão agradaria principalmente os acionistas minoritários porque reduziria o poder do grupo espanhol.

Os representantes do Vivendi teriam gostado da ideia já que buscam alternativas de crescimento para a GVT no Brasil. Em 2013, a operadora esteve à venda por cerca de R$ 19 billhões, conseguiu atrair interessados de outros segmentos - especialmente fun…

Apple deveria criar opção ao iPhone com Android, sugere Wozniak

Imagem
Cofundador da Apple, Steve Wozniak nunca viu com bons olhos a ambição financeira do parceiro Steve Jobs. Seu entusiasmo por softwares abertos o transformou num ferrenho crítico dos padrões fechados adotados pela empresa e isso se reflete na polêmica declaração dada esta semana. Segundo ele, a maçã deveria desenvolver ao menos um celular com Android e adotá-lo como alternativa aos iPhones.

"Nós competiríamos muito bem. As pessoas gostam da estilização e da manufatura do nosso produto em comparação com outros smartphones com Android. Poderíamos jogar nas duas áreas ao mesmo tempo", sugeriu o cofundador da Apple, que atualmente não tem mais envolvimento com a empresa comandada por Tim Cook.

Avessa a produtos populares, a Apple deu o braço a torcer em 2013 quando lançou um iPhone mais barato, o multicolorido 5c. Com acabamento em plástico em vez de metal, o aparelho mantém as especificações do antecessor e gera economia de até 30%. Mas, convenhamos: aderir ao Androi…