Botão da morte" que inutiliza celulares causa redução de roubos





O registro de furtos de smartphones caiu drasticamente em Nova York, San Francisco e Londres desde que fabricantes começaram a incluir o "botão da morte" em seus celulares. Como o próprio nome diz, ele funciona como um interruptor que inutiliza o smartphone remotamente.

Em San Francisco, o número de iPhones roubados caiu 40% desde que a Apple adicionou o recurso em setembro de 2013  em seus dispositivos. No mesmo periodo, Nova York registrou queda de 25%. Em Londres, a queda foi mais radical: 50% menos casos de roubos de aparelhos.

"Nós fizemos um progresso real na luta contra a epidemia de roubos de smartphones que estava se espalhando em muitas grandes cidades", disse o prefeito de Londres, Boris Johnson, que é um dos entusiastas que defendem a obrigatoriedade dessa função em dispositivos móveis.

De acordo com o National Consumers League, os EUA registraram o roubo de 1,6 milhões de aparelhos em 2012. No estado da Califórnia, por exemplo, o furto desses dispositivos correspondem por mais da metade de todos os crimes ocorridos em grandes cidades como San Francisco e Oakland.

O êxito do chamado "Kill Switch" frente aos roubos desenfreados nas grandes cidades pode tornar a funcionalidade obrigatória, pelo menos na Europa e EUA.


Deus Seja Louvado.
Procure Uma Igreja Evangélica.
Não Morra Sem Jesus.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

As cidades brasileiras com maior número de dispositivos infectados por hackers

Como recuperar fotos apagadas do Instagram

GoPro revela a Hero 6 Black, sua nova câmera top de linha