Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 18, 2015

Firefox 43 é lançado para Android com várias novidades interessantes

Imagem
Quando a Mozilla anunciou que não iria mais investir no Firefox OS com o lançamento de novos smartphones com o sistema operacional móvel aberto da companhia, ela deixou claro que focaria toda a sua atenção no seu navegador que vem brigando no mercado com o Chrome e demais aplicativos de navegação. A empresa acaba de liberar a versão estável 43 para Android e também Windows com várias novidades.

Enquanto no desktop a principal novidade é o suporte a hardware 64-bit, no Android temos muitas novidades interessantes. A primeira delas é a notificação de som em abas do navegador, algo similar ao que foi implementado pela Google no Chrome desktop, onde é exibido um ícone nas abas em que tem algum vídeo ou qualquer outra fonte de áudio sendo reproduzida.




Outra novidade está na mudança da lista de leitura do navegador, onde fica mais fácil marcar itens que você verificou nos mais diversos tipos de listas. E para quem precisa de ajuda para usar o navegador, Mozilla implementou o menu de acessibil…

Google lucra muito dinheiro com iOS do que com Android

Imagem
A Google não lucra muito com o Android e chega até a ganhar mais dinheiro com o iOS, da concorrente da Apple.

Como é disponibilizado de forma gratuita (open-source), o Android não traz uma montanha de dinheiro para a Google. Então, ela tenta compensar isso com publicidade. Mas neste ponto vem a pegadinha: segundo a Goldman Sachs, 75% do lucro de US$ 11,8 bilhões que a Google gerou em buscas mobile em 2014 são de gadgets com iOS. Ou seja, iPhones, iPads e iPods que utilizam as ferramentas da Gigante das Buscas.

Então, se 75% de 11,8 bilhões vêm do iOS, US$ 3 bilhões são gerados no Android.
Microsoft e fabricantes terceiros

O artigo também comenta que a Microsoft lucra com o Android o mesmo tanto que a Google. Isso porque as fabricantes precisam pagar entre US$ 5 e US$ 15 à MS por cada smartphone Android produzido — e isso daria cerca de US$ 2 bilhões por ano.

A causa do pagamento está nas patentes. A Gigante dos Softwares possui muitas patentes e, como retorno, recebe royalties.

O mercado pa…