BlackBerry Priv chegara ao mercado ainda neste ano


Depois de muita especulação, a BlackBerry anunciou hoje (25) seu primeiro dispositivo Android, o BlackBerry Priv, que deve ser lançado até o final do ano. O anúncio fez parte da divulgação do relatório trimestral da empresa, no chamado Q2. A notícia vem depois de uma enxurrada de vazamentos, incluindo um extenso hands-on que pode ser visto na semana passada.

Inicialmente, o BlackBerry Priv ficou conhecido por seu apelido interno, Veneza. O dispositivo é a primeira incursão da BlackBerry utilizando o sistema Android, que a empresa canadense até tentou – mas acabou por fracassar – combater com seu próprio sistema operacional, o BlackBerry 10.




Segundo o CEO da empresa, John Chen, a segurança, principal característica da BlackBerry continuará a ser prioridade no novo aparelho. “O Priv combina o melhor da segurança da BlackBerry com a produtividade e o amplo universo de aplicativos disponíveis na plataforma Android.“, declarou.

O dispositivo promete oferecer o melhor em segurança para clientes empresariais que procuram uma plataforma confiável proteger a privacidade de suas informações. O BlackBerry Priv é visto como uma última tentativa da empresa no mercado mobile. O faturamento de 490 milhões de dólares anunciado neste Q2 é pouco mais da metade do que a empresa faturou no Q2 em 2014.



No passado, Chen chegou a declarar que não hesitaria em abandonar as operações no mercado de smartphones caso o cenário não mudasse. Neste contexto, a adição de um smartphone Android pode ser um esforço final da empresa visando ampliar suas opções. A BlackBerry não irá abandonar seu sistema operacional próprio, que já tem uma grande atualização anunciada para Março de 2016.

O BlackBerry Priv estará disponível no final deste ano nos “principais mercados, varejistas e e-commerce“. Outros detalhes, como o preço e a disponibilidade serão revelados nas próximas semanas.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Colecionando problemas: Google Pixel tem falha na função toque duplo para despertar

Microsoft patenteia leitor de digital e gestos como o do Google Pixel

BlackBerry deixa de fabricar smartphones e licencia marca para chinesa