Pular para o conteúdo principal

Wiko Fever: Um novo smartphone 4G com 3GB de RAM a um preço acessível

  
Wiko Fever: Um novo smartphone 4G com 3GB de RAM a um preço acessível


A Wiko lançou no mercado português o Wiko Fever, um smartphone 4G topo de gama que promete fazer as delícias dos utilizadores. Com um magnífico ecrã/tela de 5,2" com proteção Corning Gorilla Glass 3, o Fever vem equipado com Android 5.1, Lollipop e um processador True Octa-Core 1.3 Ghz, prometendo oferecer a melhor experiência de navegação e multimédia. Tudo a um preço bem interessante de 249 euros.

O novo equipamento da Wiko possui 3GB de memória RAM que oferece ao utilizador uma performance de excelência que lhe permite navegar e jogar sem falhas nem delays. Com os 16GB de memória interna, possíveis de aumentar em mais 64GB através de cartão Micro SD, o equipamento tem espaço mais que suficiente para guardar tudo o que necessita, desde aplicações, a fotografias e outros documentos. A facilidade e intuitividade de operação é assegurada pelo Android 5.1, Lollipop.

O novo equipamento da Wiko possui ecrã/tela com resolução Full HD (1920×1080 pixels) de 5,2", que oferece uma qualidade de imagem perfeita e um grande nível de detalhe. O FEVER foi concebido para oferecer uma experiência visual de outro nível, possuindo 424 ppi e 450 nits para conseguir uma qualidade de imagem perfeita e um maior nível de detalhe. Graças à tecnologia IPS e CABC, o ecrã/tela ajusta-se automaticamente à intensidade da luz, para oferecer-te a melhor visibilidade a todos os momentos.


O ecrã/tela é também perfeito para ver as fotografias tiradas com a câmara/câmera principal de 13MP e frontal de 5MP com selfie flash. Para certificar que tira as fotos perfeitas, o equipamento vem ainda munido de vários modos fotográficos, nomeadamente Panorama, Face Beauty, HDR, Night shot, Professional Mode, Sound shot, Touch shot, Wideselfie, Continuous shot, Smile
shot. Para captar todos os momentos da tua vida na máxima qualidade, o Fever permite ainda a gravação de vídeos a 1080p.

A autonomia do equipamento é outro dos seus pontos fortes, pois possui uma bateria de 2900 mAh Li-ion, a qual mantém o smartphone ligado até 216h em stand by, 21,7h em utilização 2G e até 16,2h em 3G. A duração ideal para te ajudar a rentabilizar ao máximo a sua função Dual SIM, que permite ter dois números no mesmo terminal. Uma vez mais, a Wiko voltou a apostar no design, desta feita com uma capa traseira com o efeito de pele em cores branco ou preto, perfis metálicos dourados e ecrã 2.5D com contornos curvos, sem esquinas nem arestas, que favorece a ergonomia e a facilidade de utilização e adapta-se ao estilo do utilizador. Com um peso de 143 gramas (já com bateria) e com as dimensões 148×73.8×8.3 mm, podes levá-lo contigo convenientemente para onde quer que vás.

As tecnologias WiFi 802.11 b/g/n e Bluetooth asseguram a comunicação de dados e o emparelhamento com os mais diversos acessórios de áudio, ou kits de alta voz. A conetividade foi também tida em conta, pois o Fever possui USB OTG, característica que permite que se possa conectar com dispositivos externos de armazenamento, como discos de armazenamento portáteis e pendrives. A isto junta-se o facto do Fever possuir sistema de geoposicionamento Glonass e GPS.

O Wiko Fever está disponível de imediato a um preço recomendado de 249 euros. No decorrer do mês, estará também disponível uma versão do Fever com 2GB de memória RAM, que terá um preço recomendado de 229 euros. Com esse valor o aparelho promete ser um excelente opção, á que possui características de dispositivos top de linha.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

As cidades brasileiras com maior número de dispositivos infectados por hackers

Os brasileiros precisam estar cada vez mais atentos com a segurança digital dos seus computadores e celulares. Um relatório da Norton by Symantec revela que o país é o terceiro com mais dispositivos infectados por hackers através de bots.
O país também se destacou como sendo o mais afetado da América Latina, com 37% dos equipamentos infectados. As cidades de São Paulo (36,3%), Rio de Janeiro (20,74%) e Curitiba (6,29%) concentram a maior parte das infecções no país. Além disso, a capital paulista é a segunda com o maior número de dispositivos infectados, ficando atrás somente da Cidade do México.

Veja as dez cidades brasileiras e da América Latina que mais sofrem ataques hackers:

Apenas em 2016, foram identificados mais de 6,7 milhões de dispositivos que foram adicionados à rede global de botnets – os bots são dispositivos conectados à internet infectados com malware que permitem que hackers assumam remotamente o controle de muitos dispositivos ao mesmo tempo –, sendo que mais de 689…

Como recuperar fotos apagadas do Instagram

(Foto: Reprodução)
Como recuperar fotos apagadas do Instagram


Caso você tenha apagado uma foto bacana do Instagram e queira recuperá-la, existem duas possibilidades de fazer isso, embora nenhuma delas garanta que sua imagem será de fato recuperada.

Abaixo explicamos de duas maneiras como encontrar uma foto que você já postou no Instagram. Uma delas depende do Facebook, enquanto a outra aposta na câmera do seu smartphone para resgatar imagens antigas.

Pelo Facebook

Caso você tenha vinculado sua conta do Instagram ao Facebook e costume postar as fotos nas duas redes simultaneamente, é bem provável que a foto removida do Instagram também esteja no seu Facebook.

Para encontrá-la, entre no seu perfil na rede social de Zuckerberg e procure pelos álbuns de fotos. Um deles chama "Instagram Photos" e conta com todas as imagens enviadas ao Facebook por conta do Instagram. Lá dentro, é só procurar a foto que você quer no meio delas.

Nas fotos do seu smartphone

Caso você mantenha ativada a opçã…

GoPro revela a Hero 6 Black, sua nova câmera top de linha

(Foto: Reprodução/Mashable)
GoPro revela a Hero 6 Black, sua nova câmera top de linha

A GoPro anunciou uma nova geração de sua tradicional câmera de ação. A Hero 6 Black chega para suceder a Hero 5 revelada no ano passado e traz uma série de novas capacidades para a câmera em termos de captura de imagem e conectividade.

Em termos de imagem, os usuários vão poder aproveitar a nova tecnologia para registrar vídeos em resolução 4K a uma taxa de 60 quadros por segundos. O modelo anterior só conseguia registrar 30 quadros por segundo nessa resolução. Além disso, quem preferir registrar vídeo em HD poderá aproveitar uma taxa de até 240 quadros por segundo, enquanto o antecessor só chegava a 120.

Já sobre conectividade, a chegada do suporte a redes Wi-Fi de 5 GHz será bem-vindo para quem já fez a transição para um roteador mais recente, com padrão 802.11ac. Isso pode permitir maiores taxas de transferência, o que é sempre uma boa notícia.

Outras mudanças incluem a melhoria na estabilização de ima…