Xiaomi apresenta o Redmi Pro, topo de linha com duas câmeras traseiras e chip deca-core




A Xiaomi apresentou ontem seu novo smartphone topo de linha, o Red Mi Pro. O dispositivo será vendido em três variantes com tela de 5.5'' feita com OLED, corpo de metal e configurações robustas que incluem um chip deca-core, 128 GB de armazenamento e duas câmeras traseiras, além de preços bastante competitivos.



O que mais chama atenção no dispositivo são as duas câmeras traseiras. A principal conta com sensor da Sony de 13 MP, enquanto a secundária traz tecnologia Samsung e 5 MP, ambas com abertura f2.0 e que garantem uma "qualidade de DSLR", de acordo com a fabricante. O dispositivo também conta com uma câmera frontal de 5 MP com ângulo de 85°.

A alimentação do dispositivo também conta com números bem altos. A bateria possui 4050 mAh e pode ser carregada pela conexão USB Tipo-C. O Redmi Pro também possui um sensor de digitais, entrada de fone de ouvido P2, que vem sendo abandonada por algumas fabricantes, e giroscópio, para quem pretende jogar Pokemon GO.



Especificações | Redmi Pro

- Tela: 5.5'' OLED com resolução Full HD
- Processador: Helio X25 ou Helio X20 deca-core
- Memória: 3 ou 4 GB de RAM
- Armazenamento: 32,64, 128 GB
- Câmera traseira: dupla de 13 MP e 5 MP
- Câmera Frontal: 5 MP
- Bateria: 4050 mAh


As variantes do Redmi Pro serão vendidas com armazenamentos de 32,64 e 128 GB, 3 ou 4 GB de RAM e com chips Helio X20 e Helio X25, ambos com 10 núcleos de processamento. Os preços ficam entre 1499 e1999 yuans (algo entre R$ 730 e R$ 980).

Mais informações sobre o dispositivo estão disponíveis na galeria abaixo e no site da Xiaomi, que também traz novidades sobre o Mi Notebook Air, outro recente lançamento da companhia chinesa.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

As cidades brasileiras com maior número de dispositivos infectados por hackers

Como recuperar fotos apagadas do Instagram

GoPro revela a Hero 6 Black, sua nova câmera top de linha