Intermediário com 6 GB de RAM? Galaxy C9 ganha mais detalhes



Samsung está planejando o lançamento de mais uma opção de médio porte na categoria de telefonia móvel. Vítima de uma série de vazamentos na mídia, o então chamado de Galaxy C9parece ser o próximo na fila de lançamentos da gigante da Coreia do Sul. Nesta última semana de setembro, no entanto, o modelo deu as caras mais uma vez em forma de rumor, talvez o mais consistente deles até o presente momento.

Trata-se de uma identificação no Geekbench, ferramenta que pontua dispositivos com base em seus desempenhos técnicos. Ao analisar os recursos do aparelho, a plataforma foi capaz de listar a maior parte das especificações técnicas do mesmo, incluindo uma importante função que supera até mesmo os flagships modernos da marca; 6 GB de RAM. Sim, tudo indica que a novidade ultrapassou a linha Galaxy S7 e Note 7, que possuem 4 GB de RAM. Acompanhe abaixo para maiores informações.
Samsung Galaxy C9 | Especificações técnicas via Geekbench


Tela de 6,0 polegadas
6 GB de RAM
Chipset Qualcomm Snapdragon 652, feito em 64-bits
Processador de oito núcleos rodando em até 1,4 GHz
Adreno 510 como placa gráfica

Estima-se, ainda, que o display conte com a resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) para a exibição de conteúdo e a estrutura seja feita inteiramente em metal, oferecendo uma experiência de alto nível aos usuários. Além disso, adicionando mais um item à lista de características de ponta no modelo intermediário, é provável que o Galaxy C9 conte com o leitor de impressões digitais icônico da Samsung, localizado logo abaixo da tela, tomando a forma de um botão home. O que talvez mais chame a atenção, todavia, seja a presença de notáveis 6 GB de RAM.
Os 6 GB de RAM do Galaxy C9

Nenhum smartphone na história da Samsung possui 6 GB de RAM, então o Galaxy C9, caso oGeekbench esteja correto, seria um verdadeiro marco para a empresa. Há um motivo capaz de explicar a presença de 6 GB de RAM no modelo de médio porte; a baixa aceitação da companhia em território chinês. Acredita-se que o dispositivo em questão seja exclusivo ao mercado de lá, então a marca estaria interessada em priorizar os consumidores locais com o objetivo de solidificar a linha Galaxy na região.

Tanto é que o Galaxy Note 7 chinês deu as caras com 6 GB de RAM, provavelmente com a mesma meta do Galaxy C9. Naturalmente, é impossível comprovar a veracidade das especificações técnicas do telefone intermediário, sendo necessário aguardar até que a Samsung decida vir a público com maiores informações sobre o assunto. Ele deve ser lançado em outubro ou novembro deste ano, fique ligado.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Colecionando problemas: Google Pixel tem falha na função toque duplo para despertar

Microsoft patenteia leitor de digital e gestos como o do Google Pixel

BlackBerry deixa de fabricar smartphones e licencia marca para chinesa