Samsung Z1 ganha desconto para incentivar vendas na Índia; sucessor chegando?



A Samsung anunciou o Z1 como primeiro smartphone com Tizen em janeiro de 2015, porém ele ainda é vendido, quase dois anos depois. Mesmo depois de tanto tempo e com dois novos modelos desta linha sendo lançados no período, o Z1 ainda não havia sofrido um corte de preço significativo. Pelo menos não até agora. Isso porque o smartphone está sendo vendido com desconto de US$ 20 (R$ 64, em conversão direta) na Índia.

Pode não parecer um grande desconto, mas levando em consideração que este aparelho foi lançado por US$ 80 (R$ 256, em conversão direta), um desconto de US$ 20 pode ser o suficiente para conquistar novos usuários. Este valor de US$ 60 (R$ 192, em conversão direta) pode ser encontrado apenas na loja virtual Snapdeal e não há informações a respeito de quanto tempo estará disponível ou se é um corte definitivo.




Como a Samsung já anunciou outros modelos como o Z2 e Z3, espera-se que as vendas do Z1 estejam no final e esse corte de preço seja uma forma de acelerar as vendas. Isso pode indicar que a empresa coreana planeja o anúncio do sucessor do Z1, porém nenhuma informação foi vazada ainda. De qualquer forma, este smartphone pode ser uma boa opção para os usuários que não gostam do Android e procuram um aparelho com preço baixo.

Caso você ainda não conheça o Samsung Z1, estas são suas especificações técnicas:
Tela de quatro polegadas com resolução de 800 x 480 pixels
Processador dual-core de 1.2 GHz
768MB de memória RAM
4GB de armazenamento interno
Slot para cartão de memória de até 64GB
Câmera traseira de 3,1 megapixels
Câmera frontal VGA
Entrada para dois chips
Conectividade 3G
Bluetooth 4.0
Bateria de 1.500 mAh com modo de economia
Tizen OS
O Samsung Z1 não chegou ao Brasil e este é um cenário que não deverá mudar. A verdade é que a empresa coreana parece não acreditar que o nosso país seja um bom mercado para os smartphones com Tizen, já que nenhum aparelho com este sistema é vendido oficialmente por aqui. Portanto, os interessados em testar o Tizen precisam importar algum aparelho e este corte de preço do Z1 pode ser um bom incentivo.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Colecionando problemas: Google Pixel tem falha na função toque duplo para despertar

Microsoft patenteia leitor de digital e gestos como o do Google Pixel

BlackBerry deixa de fabricar smartphones e licencia marca para chinesa