Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 4, 2008

HTC vende 1 milhão de celulares com Android

Imagem
Felipe Zmoginski, de INFO OnlineSegunda-feira, 01 de dezembro de 2008 - 20h29

Android completa seu primeiro milhão SÃO PAULO - A HTC afirmou que já vendeu um milhão de unidades do G1, o primeiro celular com o sistema operacional Android. O cálculo leva em conta as vendas realizadas nos Estados Unidos e no Reino Unido para usuários finais e também para o varejo. Ou seja, a HTC computa como telefones vendidos as encomendas que a operadora T-Mobile fez para atender as vendas de fim de ano. A T-Mobile explora com exclusividade o G1 nos Estados Unidos e no Reino Unido. A fabricante do smartphone afirma que terá um segundo modelo rodando Android disponível no primeiro semestre de 2009. Outros fabricantes, como a Motorola, trabalham no desenvolvimento de um smartphone com o sistema operacional em código aberto desenvolvido pelo Google. Novos fabricantes só devem apresentar um modelo com Android no segundo semestre de 2009.

Boa música com o MOTOROKR EM35

Imagem
Na contramão da era de lançamentos de produtos MacGyver (que fazem de tudo), a Motorola acaba de divulgar a criação do MOTOROKR EM35, um celular especializado em áudio e música. O novo modelo da série MOTOROKR vem com som estéreo e tecnologia CrystalTalk que reduz ruídos e interferências externas.

À exemplo de sites como Last.fm, o sistema MOTOMUSIC player, presente no celular, com o tempo, passa a recomendar canções compatíveis com seu gosto musical. Na mesma linha de sistemas inteligentes, o aparelho é equipado com tecnologia Radio Data System (RDS), capaz de identificar as músicas que estão sendo ouvidas na rádio FM naquele momento.

O EM35 tem, ainda, câmera de 3,1 megapixels, memória de 110 MB que podem ser convertidos em 32 GB por meio de cartão MicroSD. Em formato slide, o celular pesa 116 g e chegará ao mercado brasileiro apenas em março de 2009. É esperar para ver. Ou melhor, ouvir.

Contra crise, N97 terá forte subsídio

Imagem
Quarta-feira, 03 de dezembro de 2008 - 16h06

Produtos sofisticados desafiam a crise

Nokia Smartphone Celular

SÃO PAULO - Diretor de vendas da Nokia diz que crise global pressiona teles a reter seus melhores clientes, o que deve aumentar os subsídios de aparelhos de ponta, como o N97.

O diretor global de vendas da Nokia, Ansii Vanjaki, afirmou, durante palestra em Barcelona, que o novo smartphone da companhia finlandesa deve chegar aos usuários finais com forte subsídio.

Leia também:

Nokia abre estúdio de design no RJ(27/02/2008)

Apple supera Motorola em smartphones(06/02/2008)

Segundo Vanjaki, o telefone de ponta tem um público potencial entre 200 milhões e 300 milhões de clientes no mundo.

Na avaliação de Vanjaki, este público é formado por pessoas de renda elevada, que não devem ser impactadas pela crise a ponto de deixar de lado os melhores gadgets.

Vanjaki diz ainda que, num clima de recessão, cresce a disposição das operadoras móveis de fidelizar seus melhores clientes, aqueles que consom…