Pular para o conteúdo principal
Sistema de compras pelo celular estará disponível em até dois anos
Seg, 27 Jul, 14h34

SÃO PAULO - Entre um e dois anos, o consumidor poderá utilizar o celular para fazer compras, segundo prevê o consultor em finanças e professor da Fiap (Faculdade de Informática e Administração Paulista), Marcos Crivelaro.

De acordo com ele, o sistema, que será utilizado em substituição ao cartão físico, enviará uma mensagem para o celular do usuário com uma senha válida para a compra desejada, que, por sua vez, virá na fatura do cartão.

"O celular pode se tornar uma forma mais fácil de efetuar o pagamento tanto pela mobilidade quanto pela modernidade", disse, conforme publicado pela Agência Brasil.

Segurança

No que diz respeito à segurança, na opinião do consultor técnico em tecnologia e professor de redes de computadores da Faculdade Módulo, Ricardo França, o uso do celular é uma forma segura para as transações, por não armazenar informações sigilosas.

"A priori, o celular não armazena senhas. É difícil um celular ser infectado por vírus, que captam informações, como ocorre com os computadores. Por existir uma quantidade menor de risco, é uma forma segura de fazer pagamentos e outras transações", avalia.

A técnica da fundação Procon-SP, Renata Reis, orienta ao consumidor que fique atento e verifique os mecanismos de segurança disponíveis antes de escolher um meio de pagamento eletrônico, para que, caso ocorra algum problema, a empresa não possa alegar que não foram seguidas as orientações.

Por fim, ressalta ela, as instituições financeiras são responsáveis por prejuízos em caso de fraude, sendo que "o consumidor nunca vai poder pagar a conta por isso. É um risco do negócio, quando a empresa oferece ao cliente esses meios de pagamentos", diz.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Driver leadership 0091 - Receptor de TV Digital.zip

Vendas de smartwatches crescem quase 50% graças à Apple e Samsung

Anatel- lei sobre telemarketing