Xiaomi Mi Power Bank 3: a bateria auxiliar dos nossos sonhos


Calibrar bateria do smartphone 

(Foto: Pixabay)
Xiaomi Mi Power Bank 3: a bateria auxiliar dos nossos sonhos
Um celular que tenha uma bateria de 3.500 mAh pode ser carregado quase 6 vezes com esse power bank.

As baterias externas tornaram-se um elemento essencial para sair de casa e ficar tranquilo sobre a autonomia do nosso smartphone ou outro dispositivo móvel. E a Xiaomi resolveu caprichar em seu novo representatnte do gênero e anunciou a Mi Power Bank 3 (Hight Edition), uma bateria com 20.000 mAh que permitirá carregar várias vezes o telefone e até mesmo um laptop graças à porta USB-C. O anúncio foi encontrado em um site chinês de notícias sobre tecnologia.

Com carregamento rápido e na cor preta, ele estará à venda, primeiramente, na China, embora ele aguardado em outros mercados para breve.
Amperagem de sobra para várias cargas

Sem dúvida, o aspecto mais marcante da nova bateria externa da Xiaomi é a sua capacidade: 20.000 mAh. E o que isso quer dizer? Por exemplo, um celular que tenha uma bateria de 3.500 mAh pode ser carregado quase 6 vezes com esse power bank.


Isso fazendo uma conta grosseira, pois esse cálculo é absoluto, carregando o celular com a bateria de zero a 100%. Mas como nunca deixamos a bateria chegar a 0%, então é certo que podemos ter mais do que 6 cargas para um aparelho com bateria com a capacidade citada.

E também, como foi dito acima, é possível pode carregar laptops, pois a Mi Power Bank 3 Hight Edition tem uma porta USB-C que fornece 45 watts - saída de 3 àmperes e 15 volts.

O Xiaomi Mi Power Bank 3 (Hight Edition) será lançado no próximo dia 11 de janeiro na China. O preço é de 119 yuans, o que representa cerca de 25 euros ou R$ 130, em conversão direta, sem os impostos. Espera-se que o acessório chegue ao resto do mundo em breve, como aconteceu com os modelos anteriores da bateria externa da Xiaomi.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Driver leadership 0091 - Receptor de TV Digital.zip

Anatel- lei sobre telemarketing

Vendas de smartwatches crescem quase 50% graças à Apple e Samsung