OnePlus 2

O barato OnePlus 2 fica mais estável em nova atualização do Android



Clientes que se interessaram pelo OnePlus 2 e já adquiriram uma unidade do flagship oriental acabam de ganhar um bom presente de fim de ano: uma atualização que promete deixar o dispositivo portátil mais estável do que nunca. Usando seu blog oficial, a jovem companhia sediada na China divulgou o envio de arquivos necessários para substituir o firmware de seu principal celular por uma versão mais nova e aperfeiçoada, mudando trechos de códigos e adicionando outros para que a experiência entre o usuário e o ambiente virtual pré-instalado no smartphone seja a melhor possível, incluindo change log, lista de mudanças, inclusas no update de natal. E edição da interface própria da empresa asiática, OxygenOS, chega à numeração 2.2.0, veja abaixo o que mudou.





Imagem: OnePlus 2


Na novíssima versão da Oxygen OS, interface que foi criada para substituir a CyanogenMod em produtos da OnePlus, os usuários desfrutam das seguintes mudanças: preferência de uso simultâneo de dois chips de operadoras (dual-SIM) foi arrumada nas configurações, suporte NTFS e exFAT foi adicionado para OTG, erros envolvendo o photo-spere e panorama, encontrados no aplicativo de câmera feito pela Google, foram corrigidos, a temperatura de tela agora pode ser ajustada diretamente nas configurações rápidas do sistema operacional, 'esconder barra de pesquisa' agora é uma opção adicionada no launcher das configurações, remoção geral de bugs e otimização de certas áreas da plataforma, tornando-a mais confiável ao consumidor.

OnePlus 2, por si só, já é um aparelho bem atraente, trazendo especificações técnicas respeitáveis, como a tela de 5,5 polegadas, usando a resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) para a exibição de conteúdo, 3 GB ou 4 GB de RAM, chipset Qualcomm Snapdragon 810 com processador octa-core rodando a 2,0 GHz, Adreno 430 como placa gráfica, 32 GB ou 64 GB de memória para o armazenamento interno, não podendo ser expandida via cartão microSD, câmera principal de 13 megapixels, câmera frontal de 5 megapixels, suporte ao USB Type-C, bateria de 3.300 mAh e Android 5.1 Lollipop como sistema operacional, modificado pela interface Oxygen OS, agora em sua versão 2.2.0, é claro. Um conjunto notável, mas o preço é mais notável ainda.

Por cada unidade do OnePlus 2, a jovem empresa asiática pede US$ 329 pela versão mais barata, com 3 GB de RAM e 32 GB de memória para o armazenamento interno, e US$ 389 pela edição mais aprimorada, contando com 4 GB de RAM e 64 GB de espaço nativo, ou cerca de R$ 1.230 e R$ 1.450, usando a cotação atual do dólar como base de conversão, ignorando os impostos brasileiros. Infelizmente, o aparelho ainda não é vendido por aqui, então é possível apenas admirá-lo à distância.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Colecionando problemas: Google Pixel tem falha na função toque duplo para despertar

Microsoft patenteia leitor de digital e gestos como o do Google Pixel

BlackBerry deixa de fabricar smartphones e licencia marca para chinesa