HP Elite X3 tem câmeras colocadas à prova após atualização





A HP iniciou recentemente a comercialização de seu flagship Elite X3 com Windows 10 Mobile, possibilitando que usuários em diversos locais do mundo pudessem enfim colocar as mãos no primeiro (e até o momento único) modelo topo de linha com a plataforma lançado em 2016. Como vimos, isto permitiu que alguns testes mais aprofundados começassem a ser feitos com o enorme phablet, incluindo desde comparativos com seus métodos de autenticação biométrica até outros envolvendo o conjunto de câmeras utilizado pela companhia em relação ao que temos no Lumia 950.

Agora, mais uma série de imagens e até mesmo um vídeo foram divulgados pelo portalWindows Central, onde as câmeras do Elite X3 são colocadas à prova após a última atualização de firmware liberada pela HP, que de acordo com a empresa foi suficiente para corrigir todos os problemas enfrentados na captura de imagens e gravação de vídeos com o aparelho. Vale notar que tudo foi feito no modo automático, buscando assim demonstrar a maneira como o app Windows Camera reage a mudanças repentinas de luminosidade e foco.

Começando pelo vídeo, podemos ver que o grande destaque do Elite X3 está na gravação de áudio. O dispositivo é capaz de suprimir quase que completamente o ruído do vento durante toda a duração do vídeo, tanto com a câmera frontal quanto com a posterior. Por outro lado, ao analisarmos as imagens, vemos que a HP ainda está longe de entregar algo minimamente satisfatório. Isto acontece principalmente com a câmera frontal, onde o balanço de branco e a exposição são alterados aleatoriamente e fazem com que a imagem fique "saltando" entre algo brilhante com cores vivas e escuro com cores lavadas.

Além disso, mesmo que não seja possível perceber claramente no vídeo, é dito que o Elite X3 demonstra bastante dificuldade com relação ao foco automático, demorando alguns segundos para perceber que o assunto foi alterado. Isto pode ser notado por volta de 1 minuto e 45 segundos do vídeo, onde o responsável pela gravação estava focando em um objeto próximo e deseja mudar para algo mais amplo, demorando um bom tempo para que o aparelho perceba isso. Por último, é destacada a ausência de um sistema de estabilização óptica, o que faz a imagem tremer mais do que estamos acostumados a ver em modelos topo de linha.

Partindo para as imagens, vemos que o Elite X3 não desaponta em ambientes mais iluminados, apresentando cores fortes e um bom nível de contraste. Ao passarmos para locais com maior índice de sombras, contudo, a qualidade cai consideravelmente, sendo encontrado um alto nível de ruído digital mesmo em simples capturas em ambientes internos. Não é possível sabermos no momento se esta qualidade abaixo do esperado se dá pelo software de pós-processamento ou pelo sensor utilizado, sendo necessário aguardarmos por informações mais detalhadas para vermos se será possível corrigir estes problemas.

Em termos de especificações técnicas, as câmeras do Elite X3 contam com:
Câmera principal Vídeos em até 4K a 30 fps
Resolução máxima de 16 megapixels
Conjunto de seis lentes com f/2.2
PDAF
Pixels de 1.31 µm
Câmera frontal Vídeos em até Full HD a 30 fps
Resolução máxima de 8 megapixels
Conjunto de cinco lentes com f/2.2
Pixels de 1.12 µm



O HP Elite X3 não deve vir ao Brasil atualmente, mesmo chegando a outros países da América Latina. Devido a isto, os interessados precisarão apelar para meios de importação e arcar com as taxas devidas, porém poderão ficar tranquilos com relação ao suporte tanto de hardware quanto de software, já que a filial brasileira da empresa já confirmou que a garantia é válida em solo tupiniquim sem qualquer complicação.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Colecionando problemas: Google Pixel tem falha na função toque duplo para despertar

Microsoft patenteia leitor de digital e gestos como o do Google Pixel

BlackBerry deixa de fabricar smartphones e licencia marca para chinesa